Quem faz uso do leitor de telas Voice Over no Mac já deve ter reparado que, ao entrar em uma conferência através dos programas mais comuns como Skype, Google Meet, Microsoft Teams ou Zoom, caso se esteja usando um fone de ouvido com microfone conectado à entrada P3, a voz reproduzida pelo Voice Over é transmitida para as pessoas que estão na conferência.
Além de incômodo, pode ser uma situação constrangedora se você pretende escrever algo que não quer que as pessoas da conferência percebam.

Entendendo o funcionamento dos plugs P2/P3


A entrada para os fones de ouvido de 3.5mm no seu Mac é do tipo P3. Embora o tamanho e formato seja o mesmo dos plugs do tipo P2, os plugs P3 possuem uma diferença significativa. Enquanto os plugs P2 apenas transmitem o áudio pelos fones de ouvido, os plugs P3 permitem também o uso do microfone e controles para ajuste de volume/Play/Pause pelo mesmo conector.

Como funciona?


Se você conseguir observar com cuidado estes plugs, vai notar que entre as partes metálicas do conector existem alguns anéis escuros. Estes anéis são camadas isolantes que impedem que as correntes elétricas de cada fase do conector interfiram umas nas outras.
A principal diferença aqui reside na quantidade destes anéis isolantes. No plug do tipo P2 encontramos 2 anéis escuros, o que faz com que tenhamos dois sinais elétricos positivos de áudio estéreo (esquerdo e direito) e uma fase negativa para permitir a corrente elétrica.
Já nos plugs do tipo P3 são 3 anéis. Desta forma, as regiões responsáveis pela transmissão das saídas de áudio não se alteram. Mas a região da fase negativa é dividida entre o sinal do microfone e esta fase. Como nem sempre a ordem destas duas últimas se encontram na posição adequada para o dispositivo, pode ser que, ao se conectar um plug do tipo P3 em seu computador, apesar de os fones de ouvido funcionarem perfeitamente, o funcionamento destas fases impedem o uso do microfone ou criem alguma interferência. Não necessitamos ter qualquer preocupação quanto a isto no Mac, pois tanto a saída de áudio quanto a entrada de microfone dos fones de ouvido funcionam, apesar da interferência da voz do Voice Over.

Como contornar o vazamento do áudio do Voice Over?


A Apple não apresentou até hoje algo que corrija o problema. Embora pareça ser algum erro de projeto de hardware, não acredito plenamente que esta seja sua causa. Mas o fato é que ele existe e precisamos de algo que o solucione.

Solução 1: uso de fones bluetooth


Esta parece ser uma ideia simples e funcional. O uso de fones de ouvido bluetooth eliminam definitivamente o vazamento de áudio do Voice Over.
No entanto, existem alguns inconvenientes no uso destes dispositivos:
– Possuem baterias: se você precisa ficar muitas horas em reuniões e conferências, esqueça. Os fones de ouvido bluetooth podem te deixar na mão a qualquer momento. Ainda que possuam uma bateria de longa duração, se você se esquecer de carrega-la, ela pode acabar no meio de um evento importante, te obrigando a retornar aos fones comuns;
– Qualidade do microfone: para quem é usuário de fones bluetooth há algum tempo, já deve ter sofrido com críticas em relação à qualidade do microfone. Se você é uma pessoa exigente quanto a qualidade do áudio, este pode ser um fator negativo para sua decisão. Exceto se você tiver certeza em relação às especificações técnicas do microfone do dispositivo que adquiriu, a qualidade do microfone destes tipos de equipamentos é bem questionável;
– Interferência: o fato de o sinal do bluetooth ser aéreo, nos proporciona uma vantagem e uma desvantagem. A vantagem é que você não necessita estar muito próximo do dispositivo. Pode se deslocar em um espaço de alguns metros do seu computador ou smartphone. A desvantagem é que, por ser um sinal aéreo, sua transmissão está mais sujeita a interferências por sinais de rádio ou de campos eletromagnéticos próximos, distância da base, bem como por barreiras físicas como portas ou paredes;
Mas nem tudo são desvantagens. Vamos aos motivos para que os utilizemos como solução:
– Inexistência de fios: Se você é uma pessoa que se incomoda com a quantidade de fios próximos a você, o uso de um fone bluetooth vai lhe trazer bastante conforto;
– Facilidade de deslocamento: se você costuma ficar se deslocando durante uma chamada, seja para pegar um café, uma pasta com anotações, um pendrive ou se movimenta muito por qualquer outro motivo, com certeza os fones bluetooth são para você.

Solução 2: dispositivos USB


Quando conectamos um dispositivo de áudio USB na porta do nosso Mac ele não os utiliza por padrão. Por uma questão de segurança, já que estamos utilizando um leitor de telas, ele aguarda que façamos a configuração do dispositivo através das preferências de sistema. Portanto, se você quiser utilizar estes modelos, entre em Preferências > Som e selecione os dispositivos de áudio USB na guia de sons de saída e entrada.
Observe que o Mac perguntará se deseja realmente utilizar aquele dispositivo. Apenas após sua confirmação ele fica funcionando por padrão.
Feita esta configuração, sempre que você conectar o mesmo dispositivo, o Mac já vai torna-lo automaticamente o dispositivo de áudio padrão do sistema.
Mas se estamos falando de portas USB, é claro que existe a possibilidade de utilizarmos um dispositivo sem fio conectado por esta porta, porém vamos tratar aqui apenas daqueles que ficam atados ao computador pelo fio.
Agora vamos a algumas desvantagens deste tipo de dispositivo:
– Distância do computador: como os fones ficam conectados ao computador pelo fio que leva à porta USB, não será possível se deslocar com muita facilidade sem a necessidade de deixar os fones para trás;
– Uso da porta USB: Se você tem uma quantidade limitada de portas USB e precisa conectar vários dispositivos diferentes nestes conectores, deixar uma das portas ocupadas com o fone pode não ser uma boa opção;
– Existência de fio: Se você é uma pessoa que detesta ficar com fios perto de você, seja por ser uma pessoa atrapalhada que sai derrubando tudo à sua frente, seja por se sentir incomodado ou se tem um gato arisco que adora brincar com os fios dos seus equipamentos, ter um dispositivo como este pode ser motivo de muita irritação.
Mas tal como os modelos anteriores, o uso de um dispositivo USB para evitar o vazamento de áudio do Voice Over também tem as suas vantagens. Vamos a algumas delas:
– Qualidade da transmissão: talvez esta seja uma das melhores vantagens desses modelos. A conexão com fio permite uma maior estabilidade no sinal de áudio, facilitando sua transmissão. É claro que a qualidade, tanto dos fones quanto dos microfones, vai depender do modelo do seu aparelho. Existem modelos com excelente qualidade de áudio e outros com péssima qualidade. De qualquer forma, o fato de haver um fio conectado ao computador garante que a interferência externa seja mínima, caso ela exista;
– Alimentação por fio: Outra vantagem interessante é o fato de a alimentação elétrica do equipamento ser feita através do fio conectado ao computador. Desta forma, você não corre o risco de o seu equipamento deixar de funcionar quando você mais precisa dele;
– Ajuste de volume: Se você é aquela pessoa que não gosta de ter que ficar ajustando o volume dos fones de ouvido pelo teclado do computador, você pode facilmente adquirir um fone de ouvido com ajuste de volume. Desta forma, não vai precisar se preocupar com comandos de teclado e conseguirá rapidamente ajustar o volume conforme suas necessidades do momento;
– Interruptor de microfone: embora este recurso não esteja disponível em todos os modelos de fones com microfone, você pode querer mais este conforto. Como cada programa de conferência utiliza um atalho diferente para emudecer o microfone, ter um interruptor de microfone no próprio fone pode evitar muito constrangimento, caso você decida comentar para si mesmo algo que seria desagradável a quem estiver conversando ou haja um ruído muito forte perto de você.

Alternativas para dispositivos USB


Falar em dispositivos USB não significa que estamos utilizando um fone, cujo conector tem uma extremidade USB para se conectar ao computador. Para além destes modelos, talvez você queira utilizar seus antigos fones de plug P2, ao invés de comprar um modelo USB, que geralmente são mais caros. Felizmente existe uma solução para isto.
Em sites como o Mercado Livre você encontra adaptadores de som USB com preços bastante convidativos que possuem dois conectores do tipo P2. Além de pequenos, pois são de tamanho próximo de um pendrive, estes dispositivos permitem que você conecte, por exemplo, aqueles Ear Phones que vieram com o seu iPhone antigo.
Por se tratar de um dispositivo externo ao Mac, o som reproduzido pelo Voice Over não é transmitido para quem você estiver conversando pelo computador.
O inconveniente neste tipo de equipamento é que ele tem uma saída de áudio e uma entrada de microfone independentes. Isto significa dizer que, se você quer utilizar um fone de ouvido que possui microfone e apenas um plug P3, não vai conseguir usar o microfone.
A saída para isto é você ir em Preferências > Som e selecionar a saída de áudio para o dispositivo USB e a entrada, ou seja, o microfone, para a entrada integrada. Assim você poderá escutar o áudio pelos fones e transmitir sua voz pelo microfone interno do Mac.
Como tudo tem vantagens e desvantagens, vamos a algumas desvantagens deste método:
– Conectores separados para saída de áudio e microfone: talvez a maior desvantagem destes equipamentos seja o fato de o conector da saída de áudio ser separado da entrada de microfone. Isto impede que você utilize um fone de ouvido com microfone que utilize um único conector P3, tal como os fones que acompanham smartphones. Existem adaptadores que prometem dividir o sinal de forma que possamos utilizar fones com conectores P3 neste tipo de dispositivo, mas eles costumam apresentar muitos problemas e geralmente não funcionam da forma como deveriam;
– Não é um dispositivo completo: Como já explicado anteriormente, este dispositivo não acompanha os fones e microfones. Por este motivo, para utiliza-lo você terá que possuir pelo menos um fone com conector P2 ou P3 para poder usufruir de suas funcionalidades;
– Uso de microfone externo: Como já dissemos, não será possível utilizar a entrada de microfone neste equipamento se você possui apenas um fone de conector P3. Se você necessita de maior privacidade nas suas conversas e o ruído externo no ambiente em que se encontra é algo constante, utilizar o microfone integrado do Mac pode gerar \desconforto em quem está lhe escutando e, neste caso, a solução seria adquirir um microfone esterno de plug P2;
– Bloqueio dos controles: plugs do tipo P2, que são os compatíveis com os conectores deste dispositivo, não permitem que você utilize os comandos existentes no cabo do seu fone de plug P3. Portanto, se deseja continuar usando estes controles, este dispositivo não vai lhe atender.
Agora vamos às suas vantagens:
– Preço: substancialmente mais barato que os fones USB completos, estes dispositivos podem ser uma excelente opção para quem não quer investir muito em um fone USB. Enquanto um fone de ouvido USB completo com microfone raramente custa menos de R$100, este adaptador custa entre R$20 e R$40;
– Flexibilidade: são pequenos e de fácil manuseio, permitindo que você o carregue consigo com muita facilidade e conforto, pois cabe em qualquer bolso de calças ou camisas;
– Uso de fones antigos: se você ainda gosta dos seus fones antigos, seja por saudosismo ou pela qualidade do áudio, este adaptador é para você.

Enfim, já que a Apple não nos ofereceu uma solução mais simples para o problema, deixamos aqui algumas alternativas para contornar esta dificuldade. Como cada solução tem vantagens e desvantagens, você pode escolher a que melhor se adapte às suas necessidades para conseguir utilizar o Voice Over em uma conversa pelo computador sem incomodar ou causar qualquer tipo de constrangimento em quem estiver conversando.


Esta dica aplica-se exclusivamente aos utilizadores de linhas Braille com os respectivos teclados BRAILLE incorporados, emparelhados com Iphones ou Ipads.

O VoiceOver tem uma funcionalidade muito interessante que permite atribuir atalhos a um vasto conjunto de opções, utilizando as 63 combinações disponíveis no código Braille.

Depois de a linha Braille estar emparelhada com o seu dispositivo, toque em:
Definições, Geral, Acessibilidade, VoiceOver.
De seguida toque em Braille.
Varrendo da esquerda para a direita vá encontrar o nome da sua Linha Braille que está ligada, e continuando a varrer para a direita irá encontrar a opção informação adicional. É aí que deve dar 2 toques.
A seguir toque na opção: comandos Braille.
Agora irá encontrar todas as opções que permitem adicionar atalhos.
Essas opções encontram-se separadas por categorias, a saber:
Braille, dispositivo, interacção, teclado, navegação, rotor e VoiceOver
Basta dar 2 toques numa dessas categorias para ver a lista de opções que cada uma contempla.

à medida que vai varrendo da esquerda para a direita e ouvindo cada uma das muitas opções, o VoiceOver informa se a respectiva opção já tem um comando Braille associado.

Se não der nenhuma informação adicional, significa que a opção em causa não tem qualquer atalho atribuído.

Se der dois toques numa das muitas opções, pode fazer duas coisas.

Ou adicionar um comando Braille, ou alterar caso já tenham algum atribuído.

Quando tocar em adicionar ou alterar comando, basta premir no seu teclado braille as teclas que pretende associar.

Caso esse comando já esteja associado a outra opção, o sistema informa-o desse facto, e pergunta se pretende prosseguir com a alteração.

Não há dúvida que para quem usa Linhas Braille com teclado incorporado, esta é uma funcionalidade que agiliza muito a utilização do seu Iphone ou Ipad.


Hoje eu irei escrever sobre o aplicativo Seeing AI para iPhone, que é um aplicativo gratuito da microsoft que pode ajudar muito a vida de pessoas com deficiência visual.
Esse aplicativo já existe há um bom tempo, mas somente há alguns dias atrás chegou na appStore brasileira.
Ele tem diversas funções, algumas inclusive eu nem utilizava antes da existência desse aplicativo.
Um ponto negativo para quem não domina o inglês é que o Seeing AI ainda está grande parte nesse idioma. Algumas partes você conseguirá aproveitar em português, mas a maioria do aplicativo está completamente em inglês.
Tentarei ajudar a quem está lendo a passar por isso, caso não Ler mais »


Bom galera do Dicas Apple, agora que já conhecemos o Workflow, vamos aprender como criar um fluxo de trabalho, que também podemos chamar de receita.
Você pode criar um fluxo de trabalho para automatizar uma tarefa ou uma série de ações no iPhone, iPad ou Apple Watch.
No app Workflow, toque no botão Create Workflow 
 na parte superior direita da tela para criar um fluxo de trabalho.Ler mais »


Caríssimos amigos do DicasApple.com apresento abaixo um áudio tutorial explicando como devemos proceder para configurar o desbloqueio do Mac através do Apple Watch.

Gostou deste artigo?
Considere em fazer uma doação para manter o site em funcionamento e para que novos artigos possam ser produzidos e publicados.
Fazer Doação


Caro leitor, aproxima-se a data de apresentação do novo Sistema Operacional da Maçã e junto a ele várias outras novidades serão apresentadas em relação a aplicativos nativos.
Pensando nisso, hoje traremos a você algumas informações relevantes sobre o novo Fotos para iOS 10.
Abaixo seguem algumas informações importantes sobre as novas funcionalidades do aplicativo.
Na parte inferior da tela do aplicativo, são mostrados três botões:
1. Fotos – pressionada esta opção, você encontrará grupos de fotos organizadas por ano.
2. Memórias – nesta aba, você encontrará algumas sugestões de lembranças a serem recordadas. O aplicativo seleciona algumas datas ou momentos que lhe possa sugerir como algo importante e deixa-os em um lugar de fácil acesso para serem visualizados.
3. Álbuns – está opção é uma das mais completas, pois é nela que encontramos:
a) Rolo da Câmera – local onde estão todas as fotos armazenadas no aparelho dispostas em uma lista crescente de acordo com a data de registro
b) Favoritos – área aonde você pode enviar suas fotos preferidas
c) Pessoas- (um dos recursos mais interessantes, local em que o aparelho separa as fotos por rostos, criando pastas que, uma vez identificado o indivíduo, você pode nomeá-las, criando assim uma organização bem mais eficiente e de fácil acesso
d) Lugares – o próprio nome já diz, separa os registros por lugares, criando subtítulos a cada um deles
e) Vídeos – são apresentados os vídeos gravados pelo aparelho ou recebidos por aplicativos de terceiros
f) Selfies – local onde ficam todas as suas selfies
g) Series – não entendemos exatamente o critério a ser empregado para esta separação
h) Captura de Tela – destino de todas as capturas de tela do aparelho
Obs. Caso você tenha ativada a opção Meu Compartilhamento, será apresentada ainda a quantidade de fotos existentes no mesmo e mais uma seleção de opções semelhantes às listadas acima: Favoritos, Selfies, Vídeos, Séries, Capturas de Telas,.
Nota importante: agora, para usuários de Voiceover, o aplicativo fotos está fazendo uma descrição simples das imagens, bem semelhante àquelas feitas pelo Facebook.
Também, dentro dos álbuns, é criado, de forma autônoma, com aquelas imagens lá presentes,um mini-vídeo contendo som e animação, sendo inclusive permitido enviá-lo a seu Dropbox, iCloud, Google Drive ou outro serviço de armazenamento em nuvem e ainda compartilhá-lo via WhatsApp.
Outro recurso interessante é que, quando você abre uma foto em qualquer área do aplicativo, é-lhe mostrado um botão chamado Detalhes e, ao clicar nele, é apresentado o nome de todos que estejam naquela foto e já tenham sido identificados. Agora, caso esta identificação não tenha sido feita, você poderá fazê-la apenas clicando no botão Pessoa Desconhecida e digitar o nome da mesma.
Existem, neste mesmo local, ainda os botões: Mostrar Fotos nas Redondezas, Mapa com Fotos nas Redondezas, Mostrar Fotos Neste Dia.
Esperamos que as informações acima lhe tenham sido úteis para conhecer algumas das novas funcionalidades do aplicativo e reforçamos que este texto não tem o objetivo de servir como um tutorial para você aprender a utilizar, de forma plena, o Fotos, mas sim entender um pouco sobre a disposição de suas funcionalidades.
Para aprender a utilizá-lo, bastará um pouco de dedicação e vontade em explorar as várias possibilidades existentes.


Hoje eu irei explicar para você como você poderá fazer para voltar para a versão antiga de um aplicativo no iPhone.
Descobri que isso era possível há pouco tempo e acredito que é uma dica muito valiosa, que pode te ajudar algum dia.
Ela é ainda mais valiosa para pessoas com deficiência visual, que podem ficar sem poder usar algum aplicativo do iPhone, ou pelo menos alguma funcionalidade dele por causa de uma atualização do mesmo.
Antes de explicar para você como fazer, aviso que dependendo do aplicativo que você for desinstalar você pode acabar perdendo dados dele, então talvez não seja interessante fazer esse procedimento para todos os aplicativos que você tem instalado.
O que você vai precisar?
1. Ter o iTunes instalado no seu computador;
2. Ter sincronizado o iPhone com o iTunes, com uma versão antiga do aplicativo que você queira resgatar.
Tendo esses dois itens acima, você conseguirá voltar para uma versão antiga de um aplicativo.
Ler mais »


Hoje eu quero indicar um aplicativo diferente que irá te ajudar a não esquecer de várias coisas. Nele você poderá criar alertas sobre diversas coisas para que o iPhone te notifique sobre cada uma delas. Ele se chama “Hooks”.
Esse aplicativo é uma mão na roda para diversos momentos, pois o número de tipos de alertas que você pode criar é tão grande que dá de poupar um bom tempo que você gastaria indo em vários apps ou sites, para verificar as informações que você terá de maneira prática em forma de notificações.
Uma lista de alertas que você poderá criar com esse aplicativo:
– Ser informado quando for lançado um filme com um ator ou um diretor que você gosta;
– Ser informado quando estiver perto de começar um programa de televisão que você quer assistir;
– Ser informado quando o seu time de futebol (ou de diversos outros esportes como basquete, futebol americano, hockey,…) estiver prestes a iniciar uma partida;
– Ser informado dos resultados dos jogos do seu time de futebol (ou de diversos outros esportes como basquete, futebol americano, hockey,…) pouco depois deles acabarem;
– Ser informado quando um canal do youtube que você gosta lançar um vídeo novo;
– Ser informado quando um canal do twitch que você gosta começar uma live;
– Ser informado quando alguém tweetar uma palavra-chave (que você escolheu) no twitter;
– Ser informado sobre diversos tipos de clima ou desastre natural (chuva, neve, terremoto,…) com uma certa antescedência em algum local que você escolheu;
– Ser informado quando o seu site cair.
Essa é apenas uma parte da lista de alertas que você poderá criar com esse aplicativo.
Ler mais »


lançamento em breve!
O que há de Novo na Versão 4.0.0A Versão 4 é uma grande atualização. Leia este documento com muita atenção.
Uma atualização desta envergadura tem certamente alguns erros que nós não detectámos. Se por acaso encontrarem algum, desde já aceitem as nossas desculpas pelo incómodo. Por favor enviem-nos um email para support@voicedream.com que tentaremos resolver o problema o mais rapidamente possível.
Vozes
Todas as vozes Premium da Acapela e Ivona sofreram atualizações com melhorias significativas. Façam o download-novamente, por favor; lamentamos o inconveniente. Também é necessário fazerem o download outra vez das vozes dos aplicativos do Voice Dream, tais como: Writer, Mail e Voice Pack afim de as terem devidamente atualizadas.
Foi incluído um novo conjunto de vozes da Acapela. São vozes Premium de crianças, em língua inglesa dos Estados Unidos, Inglaterra e Austrália. Foi incluído o Alemão e o Espanhol da América do Norte. Foram acrescentadas vozes expressivas como a alegria, a tristeza, etc.
A voz Alex, uma das vozes nativas do iOS, também está disponível desde que estejam a usar o iOS 9. Para isso precisa fazer o download, bem como a de outras vozes nativas aprimoradas em: “Ajustes”,”Geral”, “Acessibilidade”, “Fala”, “Vozes”, “inglês”.
Como Organizar a Biblioteca
Filtro
Foi introduzido um novo conceito de Filtro. Pode ser alterado tocando no título na barra superior. Pode filtrar os seus documentos por origem ou pasta, bem como por marcações ou não-lidos. Marcar um ou mais documentos pode ser muito útil para aqueles que necessitam ser lidos. A filtragem por Pasta contém uma nova opção “Nenhuma Pasta” que lista todos os documentos que não estão em pastas.
A opção Playlist foi retirada. Agora, quer o filtro por pasta, quer por marcação podem ser ordenados manualmente. Isto significa que uma pasta pode tornar-se numa verdadeira playlist. 
Visualização em Grade e em Lista 
Agora, você pode visualizar todos os documentos da sua biblioteca em Grade. Tocando num deles e mantendo pressionado pode efetuar várias ações: “Mover para Pasta”, “Marcar”, “Retroceder”, e “Apagar”. Os mesmos comandos estão disponíveis na visualização em lista desde, que deslize com o dedo para a esquerda num determinado documento. O Botão “Editar” permite executar os mesmos comandos, mas em múltiplos documentos.
Sincronização
Nas Configurações da Biblioteca (no ícone de Configuração), pode ser ativada a sincronização da sua biblioteca através do iCloud.
Todos os seus documentos, posições de leitura, marcações e anotações serão sincronizadas em todos os seus dispositivos iOS. Para isso deve certificar-se se o iCloud e o iCloud Drive estão devidamente ativados.
Tenha muito cuidado se possuir uma rede lenta ou com restrições. Você pode ter muitos problemas em ouvir arquivos salvos, se forem muito grandes.
Se tiver o iCloud Drive ativado, poderá usar o Mac para colocar arquivos para serem executados no Voice Dream Reader.
No “finder”, e em “iCloud Drive” terá uma pasta “Reader” e dentro outra chamada “Loader”. Qualquer documento colocado lá será automaticamente movido para a biblioteca do Voice Dream Reader.
A sincronização através do iCloud requer o “in-app purchase”. Penso que compreenderá que se trata de uma pequena doação para recuperarmos um pouco do esforço que foi feito no desenvolvimento desta versão 4.
Felizmente, não será mais necessário usar o Botão “Reparar Biblioteca”, mas, se por acaso forem encontrados erros, a sua biblioteca será limpa e os arquivos desnecessários serão apagados.
Download de Conteúdos
Todas as ações e configurações para importar material de leitura estão no botão “+” ou “Adicionar”. Você pode ativar a origem do documento, como por exemplo o Dropbox, tocando no botão “Mais…”. Logo que uma determinada origem tenha sido ativada, será disponibilizada no botão “Adicionar”.
Navegador Integrado
A opção de navegação foi removida. Em vez disso, para ler uma Página Web, basta salvá-la para o “Voice Dream”, diretamente no Safari. Toque em “Compartilhar” e depois em “Salvar para “Voice Dream”. Caso esta opção não esteja disponível, toque em “Mais” para ativá-la.
Você pode também salvar a página em formato PDF para o Voice Dream ou apenas o artigo, sem qualquer lixo.
Se anteriormente tinha criado um atalho para abrir no “Voice Dream”, ele não funcionará nesta nova versão.
Algumas pessoas usam o Navegador integrado para fazer download de arquivos directamente para a biblioteca a partir de Sites favoritos. Na Versão 4, você pode adicionar um Site como uma Origem de Conteúdo.
Origem de Conteúdos
Para sincronizar com o Pocket ou o Instapaper, basta tocar no botão “Adicionar” e selecionar a opção desejada.
Você pode também usar o menu da “Visualização em Lista”, tal como no aplicativo de eMail.
Para acessar ao iCloud Drive, OneDrive, Box, e outros sistemas de armazenamento em nuvem, além do Dropbox e do Google Drive, é necessário selecionar a origem do conteúdo “Armazenamento em Nuvem” em “Origem de Conteúdos”.
Para melhor conveniência, certifique-se que tem esses aplicativos instalados.
O acesso feito, internamente pelo Voice Dream funciona melhor, porque pode fazer downloads de múltiplos arquivos sem precisar abrir novamente a janela.
A opção “iTunes” foi removida.
Agora, o aplicativo carrega automaticamente No Itunes, seja MAC ou PC, os documentos que forem colocados na “pasta documentos” no Voice Dream Reader.
Leitura
O Editor de Texto encontra-se na opção “Exportar” e apenas edita os arquivos de Texto Simples. Aqueles que precisam realmente dessa opção devem usar um aplicativo melhor, o Voice Dream Writer. No lugar do Editor de Texto foi acrescentado um novo botão: “Configurações de Leitura”.
Modo de Leitura
O Modo de Leitura é um conceito novo, introduzido nesta Versão. É uma nova forma de personalizar o modo como o Voice Dream Reader inicia e termina a leitura. 
Quando era usada a Playlist, era necessário desativar a opção “Avançar automaticamente para o Documento Seguinte”, se você quisesse repetir a leitura do documento.Para isso, foi incorporada uma opção para repetir o documento. Para tal basta copiar a parte do documento que se quer reler e colá-la num novo documento.
Note que, a partir desse momento, o tempo será movido para lá e deixará de ser acessível ao tocar e segurar no botão “Reproduzir”.
Um novo Modo de Leitura, Modo de Leitura com Dedo, permite que o usuário leia palavra a palavra. Para ouvir uma palavra simples, toque e segure na palavra. É muito útil para aqueles que necessitam de ajuda para palavras mais difíceis de compreender.
Uma outra forma é tocar na palavra até se ouvir a sua pronúncia. Depois, basta mover o dedo para a palavra seguinte.
Isto é muito útil para se ler muito devagar ou para aqueles cuja velocidade de leitura lenta ainda é muito rápida.
Este modo apenas funciona em texto simples e textos PDF.
Modo Pac-Man
O Modo Pac-Man pode ser ligado nas “Configurações de Visualização”, “Cursor de Fala”. Quando esta opção está ativa o “Cursor de Fala” comporta-se como no Pac-Man. Palavras são comidas à medida que são faladas.
Esta patente é o resultado de um estudo profundo feita pelo MIT de Harvard que mostra que quando é usado o Modo Pac-Man e se gradualmente aumenta a velocidade de fala, ao fim de alguns dias, a velocidade de leitura duplica sem se perder a sua compreensão. Faça uma tentativa!
Suporte ao Rich Text (RTF)
A Versão 4 traz suporte experimental para RTF que mostra texto em negrito ou em itálico, bem como imagens.
Documentos do Pocket, Instapaper, Evernote, Google Docs, plus eBooks e Páginas Web podem ser visualizados quer em Rich Text (RTF) ou Texto Simples. 
Também os documentos do Word, PowerPoint, Pages, Keynote RTF poderão ser visualizados no seu Layout original.
Os textos com Layout Original e os RTF, suportam o duplo toque para iniciar a leitura e toque duplo com dois dedos para sincronizar com a fala.
As anotações e marcadores não são exibidas.
Estes novos layouts só estão disponíveis para documentos récem carregados e no iOS 9 e para iPhone 5S ou superior, iPad 4G ou superior, e iPod 6G. (Honestamente, como isto é experimental, esperamos bugs. Mas é utilizável e vamos melhorá-lo ao longo do tempo.)
Margens do PDF 
Agora podemos ignorar o texto nas margens superiores e inferiores num documento PDF. Para definir as margens, vá para as “Configurações de Leitura” e selecione “Configurações de Margens do PDF”. Você poderá mover a linha vermelha na parte superior e inferior para ocultar o texto que não deseja ouvir.
As margens são aplicadas a todas as páginas e servem para excluir textos nos cabeçalhos e rodapés, exceto para notas de rodapé. Pedimos Desculpa aos usuários do VoiceOver, pois esta opção é muito difícil de ser implementada. Vamos no futuro estudar a possibilidade da a detecção automática das margens.
Pequenas Melhorias
Você vai encontrar muitas melhorias. Por exemplo, pressione com força o botão de “Avanço Rápido” para duplicar a velocidade de leitura. 
A Reprodução de áudio em 4x é de uma clareza impressionante.
anexos Evernote. 
Imagens de capa para PDF e eBook. 
 Uma detecção de idioma mais precisa. Fonte em negrito / normal para todas as famílias de fontes. Tudo agora usa a sua cor do tema. E muito mais.
Agradecimentos
Quero agradecer o seu apoio e encorajamento dado ao longo dos anos. Prometi que “Voice Dream Reader seria a única ferramenta de leitura que você precisaria comprar,” e espero que esteja cumprindo a promessa.
Feliz Leitura!


Olá amigos, aqui eu fiz um passo a passo bem detalhado para aqueles que estão com dificuldades para baixar, configurar e utilizar o TeamTalk no iPhone,

Espero que ajude de alguma forma.

Pois bem, vamos colocar a mão na massa!

• Entre na App Store e digite na pesquisa “teamtalk5”.
• Selecione a opção “teamtalk5”.
• Instale o aplicativo.
• Assim que instalar, abra o aplicativo.
• Estando na tela principal do teamtalk, abaixo de “Server List”, toque duas vezes no o botão “ADD”.
• Preencha os seguintes campos:
Name – Coloque aqui o nome que deseja de sua livre escolha – (exemplo: DicasApple.com;
Host Address – Coloque aqui o endereço do servidor: mundodoradio.com.br;
User name – Coloque aqui a palavra guest.
Password – Coloque aqui a palavra guest.
• Deslize o dedo para a parte superior da tela, abaixo do indicador da bateria e procure pelo botão “Save” e dê dois toques nele.

Pronto, os dados de acesso do DicasApple.com foram salvos no aplicativo do teamtalk.

Como conectar no DicasApple.com via iPhone

• Abra o aplicativo do teamtalk no iPhone.
• Procure DicasApple.com mundodoradio.com.br e deslize o dedo de cima para baixo e toque duas vezes no botão “Conect to Server”.
• Deslize o dedo para baixo e toque duas vezes no botão “DicasApple.com”.
• Deslize o dedo até uma das salas e entre nela com 2toques.
• Deslize o dedo para baixo pelo canto superior direito e toque duas vezes em “Join this Chnnel”.
• Se for solicitada, digite a senha.
• Toque duas vezes em “Join”.

Pronto! Você está dentro da sala escolhida.

Como fazer para trocar de sala

• Deslize o dedo até “Parent Channel DicasApple.com” e toque duas vezes nele.
• Deslize o dedo e escolha uma das salas e toque duas vezes nela.
• Toque duas vezes em “Join this Chnnel”.
• Se for solicitada, digite a senha.
• Toque duas vezes em “Join”.

pronto! Você está dentro da sala escolhida.

acima do botão “Home” no rodapé da tela do iPhone você encontrará o botão “Transmit”, que servirá para você falar na sala.
Basta dar 2toques falar, e dar 2toques novamente quando terminar de falar.


Caro leitor,
A partir do iOS 9.3, que deve ser lançado em breve, teremos a possibilidade de criarmos notas protegidas por senha no iPhone, iPad ou iPod Touch. Abaixo descrevo como utilizar este recurso.
Primeiro temos que definir uma senha para as notas, para isso vá em “Ajustes”, “Notas”e a seguir toque no botão “Senha”. Defina uma senha a sua escolha e se seu dispositivo suportar, nesta mesma janela, voce pode ativar o uso do Touch ID para desbloquear as notas.

Como proteger uma nota
1, Crie uma nota da forma que costuma fazer, digite ou cole o conteúdo da nota.
2, Estando ainda no modo de edição, toque no botão “Compartilhar”e depois em “Bloquear Nota”.
Após bloquear uma nota irá surgir na barra de ferramentas um botão indicando se a nota está bloqueada ou não. Este mesmo botão serve para bloquear ou desbloquear uma nota.

Obs. Quando uma nota é protegida ela irá permanecer desbloqueada até que o botão bloquear nota seja pressionado ou que o aplicativo Notas seja fechado a partir do Seletor de Aplicativos.


Olá!
Para quem É admirador da mídia podcast, quero recomendar o aplicativo do podcast papo acessível.
O aplicativo está muito bem construído e com excelente acessibilidade.
E para que serve este aplicativo?
O objetivo do aplicativo é de facilitar a integração com os ouvintes do podcast. Você poderá baixar escutar facilmente os episódios do podcast tem como ser notificado quando um novo episódio for liberado. No que diz respeito ao player, existem alguns recursos bem interessantes: Você pode retroceder o episódio em 30 segundos, avançar o episódio em 60 segundos, ir para o próximo episódio ou ir para o episódio anterior.
Outro item a destacar do aplicativo é que nas configurações podemos selecionar para ele apagar os episódios já reproduzidos, recurso bem interessante para não encher a memória do aparelho.
Parabéns ao Fernando Scalabrini e sua equipe pelo podcast e pelo aplicativo.
Clique no link abaixo para fazer o download do aplicativo.

download aplicativo Papo Acessível


Tags com: , , , , , ,

Caro leitor,
Quando recebemos uma mensagem, de um número que não está em nossa agenda, podemos facilmente criar um novo contato ou adicionar a um contato existente de uma forma bem fácil.

1. Entre na mensagem recebida.
2. Toque no botão “Detalhes”.
3. Toque no botão “Mais informações de contato”.
4. Agora toque no botão “Criar Novo Contato”, Para criar um novo contato ou no botão “Adicionar à Contatos”, para adicionar a um contato existente.
5. Edite ou adicione as informações do contato conforme o caso.6. Para finalizar toque no botão “Ok”, se tiver criando um novo contato ou no botão “Atualizar” se tiver adicionando a um contato existente.

Esta informação pode ser banal para quem já utiliza o iPhone a muito tempo, mas pode passar desapercebida para quem está iniciando…


O Mac traz um aplicativo bastante interessante para a leitura de ficheiros PDF.
Trata-se do “Pré-Visualização”.
Além da leitura contínua ou não, permite-nos colocar destaques, e marcadores.
Dito isto tudo, quero-vos trazer uma dica de como selecionar e copiar parte de um texto. .

1. Estando no texto, posicione o cursor na linha anterior de onde a seleção deva começar.
2. Prima “VO+Command+Shift+Espaço”.
3. Desloque o cursor até onde deseja terminar a seleção e volte a premir as teclas acima referidas.
4. Prima agora “Command+C” para fazer a cópia.
Atenção: Para anular a seleção atual terá de premir duas vezes “VO+Command+Shift+Espaço”. Isto é necessário para que o rato se desloque para uma outra posição.
5. Agora basta ir para o aplicativo onde deseja colar o texto e premir “Command+V”.


Olá,
Hoje resolvemos escrever algo sobre encriptação de dados no Mac, especialmente pastas.
Como é sabido por vezes torna-se necessário por questões de confidencialidade protegermos determinados dados.
Como podemos fazer isso sem recorrermos a programas pagos?
A maneira que o OS X tem para tornar isso possível é criar uma imagem em vez de uma pasta.
Para tal temos um aplicativo chamado Utilitário de Discos.
Indicaremos agora passo a passo que procedimentos deveremos fazer para tal.
Ler mais »


Caro leitor,
A partir do iOS 9 foi introduzida a possibilidade de eliminarmos todas as mensagens de uma caixa de correio no App de e-mail do iPhone de uma única vez e sem a necessidade de selecionar as mensagens uma a uma.

Veja a seguir como proceder:

1. Estando no app Mail, selecione a caixa de correio que deseja esvaziar.
2. Toque duas vezes no botão “Editar”, localizado na parte superior direita do aplicativo.
3. Vá para o final da tela (pode fazer isso rapidamente tocando com 4 dedos na parte inferior do dispositivo).
4. Toque duas vezes no botão “Por Todas no Lixo”.

Obs. Este procedimento não elimina definitivamente as mensagens, ele apenas move as mesmas para a pasta “Lixo”. Caso queira eliminar todas as mensagens definitivamente vá para a pasta “Lixo”da conta do qual apagou as mensagens, toque duas vezes no botão “Editar”e na parte inferior da tela toque duas vezes no botão “Apagar Tudo”.